29 novembro 2010

Convencido por pastores e mãe evangélica, filho traficante se entrega



Convencido pela mãe evangélica, o traficante Diego Raimundo da Silva Santos, o Mister M, se entregou à polícia. Ele é apontado como braço direito do chefe do tráfico no Complexo do Alemão, Luciano Martiniano da Silva, o Pezão.

- Eu aproveitei a oportunidade porque nunca aceitei meu filho nessa vida. Conversei com ele, que aceitou. O irmão dele é cristão e o convencemos. Falei: Diego, vamos com mamãe para casa. Ele respondeu que não pois iriam prender ele. Disse, então, para ele ir comigo e com o irmão pois nós iríamos levá-lo na delegacia. Agradeço a Deus, agora é nova vida - contou a mãe.




O delegado titular da 6ª DP (Cidade Nova), Luiz Alberto Cunha de Andrade, revelou que a mãe de Mister M procurou policiais da sua equipe, que chegaram a trabalhar por cerca de dois anos e meio na delegacia de Irajá. Lá, Nilza já havia procurado a polícia algumas vezes para tentar entregar o filho, mas Diego ainda não tinha se convencido.

- Ela procurou a 38ª DP (Irajá) e descobriu que estávamos na 6ª DP. Foi quando Nilza nos procurou e disse que ele queria se entregar, mas que tinha medo que acontecesse algo no caminho até a delegacia. Mister M saiu da Favela da Grota, no Complexo do Alemão, dentro de uma kombi com a mãe, os irmãos e pastores evangélicos. Encontramos com eles próximo à Avenida Lobo Júnior, na Penha, e seguimos para a delegacia por volta das 15h - explica o delegado.

Diego teria dito aos policiais que queria parar com a vida no tráfico, que não queria continuar depois de ter visto o aparato da polícia. Na delegacia, Mister M recebeu a visita do coordenador do AfroReggae, José Júnior. Nilza espera que os outros traficantes também se entreguem.

- Desejo que todos se convertam, larguem isso porque contra a força não há resistência. Eu nunca vi isso, tanque de guerra, meninos jovens... foi uma bênção de Deus tudo ter dado certo". - disse a mãe do traficante.



Com informações O Globo / Estadão