14 outubro 2010

Placas de sinalização

Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim. João 14.6
......................
Recentemente, ao voltar do trabalho para casa, fui entregar alguns livros a um cliente. Achei que conhecia o caminho de volta para a rodovia e não prestei atenção às placas de sinalização. A confiança em meu senso de orientação resultou num longo desvio e muito tempo perdido. Mais tarde, ao refletir sobre esse incidente, percebi que, em muitas situações, eu confio apenas em meu próprio senso de orientação. Pelo fato de nem sempre confiar na direção de Jesus, acabo tropeçando em obstáculos, e isso me envergonha. Não peço a Deus que me mostre a verdade em todas as circunstâncias ou que me oriente nos caminhos perfeitos da vida. Desde então, decidi entregar ao Senhor cada decisão que tomo, pedindo a Ele que me mostre o caminho que devo tomar.


Quando inicio meu dia em oração, estudo e meditação na palavra de Deus, ouvindo calmamente Sua orientação, não ajo somente por impulso. Ao contrário, vivencio a tranquilidade de saber que estou no caminho certo. Quando seguimos o que nosso Senhor nos conduz a fazer, podemos ter a certeza de uma vida de serviço, sob o sustento da graça abundante de Deus.

Oração: Deus amado, concede-nos a graça de seguir Tuas direções e orientações. Em nome de Jesus. Amém.

Renny Stoltz (Gauteng, África do Sul)